segunda-feira, abril 30, 2012

O Mali precisa de nossa oração

Queridos amigos em missões, graça e paz do Senhor.
Acabamos de receber novas noticias que fala da situação atual no Mali.

Tiroteio entre militares em Bamako

www.tvi24.iol.pt
30-12-2012      21:59

Registou-se um tiroteio  em Bamako, capital do Mali, entre os militares leais ao presidente Amadou Tumani Touré e militares da junta que protagonizou um golpe de Estado o 22 de Março.


"Estes são elementos da guarda presidencial do antigo regime e estão a tentar reverter a situação", disse o porta-voz da junta golpista, Bacary Mariko, em declarições à Reuters. "Temos a situação sob controle", assegurou.


A agência noticiosa salienta que o objetivo dos guardas presidenciais - conhecidos como "boinas vermelhas" - seria assumir o controle de algumas zonas cruciais de Bamako.


Testemunhas dizem ter visto troca de tiros perto de uma ponte chave da cidade, situada nas imediações da televisão pública.


Os "boinas vermelhas" acabaram por mudar as suas posições. "Eles deixaram a ponte depois do tiroteio e estão a dirigir-se para o aeroporto", disse uma delas.

Uma outra testemunha afirmou que os combates prosseguiram perto das instalações da televisão e rádio públicas, que continuaram a transmitir.

O Golpe de Estado de 22 de Março deveu-se ao descontentamento pela forma como o governo geriu uma rebelião tuaregue no norte do país. O presidente deposto viu-se obrigado a fugir do país.


Continuamos orando por Mali em nome de Jesus!


quarta-feira, abril 25, 2012

Crimes de guerra

TPI pode investigar relatos de crimes de guerra em Mali.

24 de Abril de 2012 13:59
noticias.terra.com.br

O Tribunal Penal Internacional (TPI) advertiu Mali nesta terça-feira que está considerando investigar relatos de assassinatos, estupros e outros crimes de guerra que podem ter sido cometidos desde janeiro, quando começaram os confrontos que desencadearam uma crise ampla no país. "O escritório tem acompanhado de perto os desdobramentos em Mali desde que os confrontos tiveram início por volta de 17 janeiro de 2012", disse o escritório do procurador do TPI em um comunicado, acrescentando que agora iria decidir se conduziria uma investigação preliminar.
"Segundo várias fontes, incluindo altos funcionários da Organização das Nações Unidas, crimes como assassinatos, sequestros, estupros e recrutamento de crianças podem ter sido cometidos por vários grupos na parte norte do país", acrescentou. Não ficou claro se ele estava se referindo a supostas atrocidades cometidas pelo grupo formado por separatistas islâmicos e tuaregues ou pelas tropas do governo, ou ambos.
A violência na nação do Oeste Africano surgiu em 17 de janeiro, quando tuaregues armados entraram em confronto com tropas governamentais na cidade de Menaka, ao norte, depois de meses de avisos de que os rebeldes estavam se juntando. Em seguida ocorreram novos surtos de violência e um golpe militar em 22 de março, que atrapalhou uma eleição planejada para abril, levando o país a mergulhar no caos.
Mali, o terceiro maior produtor de ouro da África, é agora um território fragmentado sem um Estado, ocupado por grupos rebeldes rivais no norte, enquanto políticos e líderes do golpe no sul disputam o controle da capital Bamako.

Nossa oração é importante pelos povos do mundo em nome de Jesus!

Cidadã suíça libertada por rebeldes

A cidadã suíça raptada no dia 15 por rebeldes islâmicos que controlam Timbuktu, no norte do Mali, foi esta terça-feira libertada, noticiou a agência francesa AFP.
Beatrice Stockly, de 40 anos, foi levada numa carrinha para o local onde um helicóptero, que partiu durante a manhã do Burkina Faso, a foi buscar e que levantou voo rapidamente, acrescentou.
A libertação surgiu depois das negociações entre o ministro dos Negócios Estrangeiros suíço e os rebeldes, na segunda-feira. 
A cidadã suíça era a última ocidental a permanecer em Timbuktu e recusou-se a sair da cidade. Stockly foi entregue pelo grupo responsável pelo sequestro ao movimento islamita Ansar Dine, que no domingo disse estar pronto a libertar a suíça.
A 1 de Abril, Timbuktu, até aí controlada pelas forças governamentais, caiu nas mãos do Ansar Dine, apoiado pelos soldados da Al-Qaida no Magrebe Islâmico (AQIM).
O AQIM tem bases no norte do Mali e opera em várias regiões do país. Juntamente com Movimento para a União e a Guerra Santa na África Ocidental (MUJAO) mantém actualmente 12 reféns europeus e sete argelinos.
Louvamos ao Senhor por sua fidelidade e amor por missões no campo.

terça-feira, abril 24, 2012

Portas Abertas

Golpe de Estado no Mali ameaça cristãos

Amados compartilhamos esta nota de Portas Abertas para orar pelo Mali. Sabemos que nossas oração pode mudar o rumo de esta querida nação.
Em Cristo Jesus, todo pode ser mudado pela oração!

quinta-feira, abril 19, 2012

sexta-feira, abril 13, 2012

Boas novas do campo missionário

Presidente interino do Mali assume após golpe

Agência Estado

quinta-feira, 12 de abril de 2012 9:22

O presidente interino do Mali, Dioncounda Traore, assumiu o cargo nesta quinta-feira, restaurando a ordem constitucional neste miserável país africano três semanas após soldados rebelados derrubarem o presidente anterior em um golpe de Estado.
Traore, líder da Assembleia Nacional, deverá servir como presidente por 40 dias, segundo a Constituição. Os mediadores locais, no entanto, reconhecem que o Mali precisará de mais tempo para organizar novas eleições.
O acordo para restaurar a normalidade constitucional no país foi acertado há quase uma semana entre a junta militar que tomou o poder, em março, e o bloco regional da África Ocidental, conhecido como ECOWAS, na sigla em inglês.
O presidente deposto, Amadou Toumani Toure, reapareceu no domingo depois de passar várias semanas desaparecido e apresentou sua renúncia oficial.
Toure estava há poucos meses do fim de seu último mandato quando o palácio presidencial foi invadido pelos golpistas, no último dia 21. A junta atribuiu o golpe ao fato de Toure não ter conseguido lidar com a rebelião que estourou no norte do país em janeiro. No entanto, foi apenas depois de sua deposição que os rebeldes tuaregues conquistaram as três maiores cidades da região e declararam sua independência.
A perda da porção norte do Mali, uma área maior do que a da França, mergulhou o país numa grave crise. Os combatentes estão divididos entre um grupo secular e uma facção islâmica que quer impor a lei da Sharia no norte malinês. As informações são da Associated Press.
Diário do Grande ABC
Continuamos orando por Mali, sabemos que o Senhor tem poder para mudar o destino para bem dos povos. louvado seja Deus.

Vale da Bênção - SP

Queridos amigos visitamos a base da missão em Araçariguama, agradecemos a Deus por seu cuidado em nossas vidas.










Agradecemos a Deus por sua fidelidade constante. Obrigado Missão Antioquia.


terça-feira, abril 10, 2012

Louvamos a Deus

Queridos amigos, graça e paz do Senhor, louvamos a Deus por sua fidelidade e amor em nossas vidas, estamos em Guarulhos - São Paulo, agora melhor depois de uma semana onde encontramos o carinho da família, amigos e vizinhos, isso não tem preço!!! Aleluia. 
Para entrar em contato conosco pode escrever a nosso email: herberteliete@gmail.com.
Grande abraço de seus missionários Herbert e Eliete.
Palavra viva: 
Falando entre vós em salmos, e hinos, e cânticos espirituais; cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração; Dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo; 
Efésios 5:19,20

quarta-feira, abril 04, 2012

Queridos amigos chegamos a São Paulo

Graça e paz do Senhor, estamos em São Paulo estaremos em contato por e-mail por favor escreva : herberteliete@hotmail.com ou herberteliete@gmail.com.
O telefone de contato em São Paulo é 00 55 11 TIM: 1151269136 OI: 11 65490330
Grande abraço de seus missionários.